Projeto de Lei do Presidente Alexandre Dauage institui a campanha Setembro Verde em Ourinhos Reviewed by Momizat on . Garantir direitos, promover a informação e conscientizar a sociedade sobre a importância da inclusão social das pessoas com deficiência são algumas ações estabe Garantir direitos, promover a informação e conscientizar a sociedade sobre a importância da inclusão social das pessoas com deficiência são algumas ações estabe Rating: 0
Você está aqui:Home » De Olho na Câmara » Projeto de Lei do Presidente Alexandre Dauage institui a campanha Setembro Verde em Ourinhos

Projeto de Lei do Presidente Alexandre Dauage institui a campanha Setembro Verde em Ourinhos

Garantir direitos, promover a informação e conscientizar a sociedade sobre a importância da inclusão social das pessoas com deficiência são algumas ações estabelecidas pelo Projeto de Lei de autoria do Presidente da Câmara, Alexandre Dauage, “Alexandre Zoio” (PRB), que institui a campanha Setembro Verde em Ourinhos.

 

O projeto foi aprovado durante a 30ª Sessão Ordinária, realizada na última segunda-feira, 11. “Setembro foi escolhido para essa ação em razão do dia 21 ser o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência e a cor verde simboliza esperança e renascimento. Precisamos discutir as questões relacionadas à inclusão da pessoa com deficiência, contribuindo para alcançar, com maior rapidez, a plena inclusão social”, contou Alexandre.

 

O Presidente destacou que o Projeto de Lei propõe a realização de ações intersetoriais de conscientização. “Nossa sugestão é que aconteçam palestras, encontros comunitários, iluminação de espaços com a cor verde e outras medidas para dar suporte e visibilidade à inclusão social das pessoas com deficiência. Inclusive, o prédio da Câmara Municipal já está com iluminação verde, simbolizando a dedicação do Poder Legislativo à causa”.

 

Alexandre disse também que ainda falta muito para o cumprimento dos direitos das pessoas com deficiência. “Temos muito para evoluir, diversos problemas no município para enfrentar e resolver, que afetam diretamente a pessoa com deficiência. Precisamos em primeiro lugar colocar um fim ao preconceito. Nós como representantes do poder público precisamos agir para consolidar o ideal da democracia sobre o viés da inclusão e da participação social”.

 

O Setembro Verde teve início por meio de ações lideradas pela Federação Estadual das APAES de São Paulo, que em parceria com as APAES municipais, lançaram a campanha para celebrar a luta da inclusão social da pessoa com deficiência. “Com a aprovação dessa Lei municipal, precisamos fazer com que o mês de setembro se torne referência em Ourinhos, realizando ações que envolvam poder público, entidades e toda sociedade. A cidade tem que aderir a esse movimento, a pessoa com deficiência precisa ter seus direitos garantidos”, finalizou o Presidente.

© 2015 Todos os direitos reservados para NB Produções

Voltar para o topo