Orquestra Santa Cruz promove primeira reunião com pais, em 2017 Reviewed by Momizat on . Para apresentação de objetivo e conquistas da Orquestra Santa Cruz e troca de ideias, foi realizada na manhã do último sábado (8 de abril), a primeira reunião d Para apresentação de objetivo e conquistas da Orquestra Santa Cruz e troca de ideias, foi realizada na manhã do último sábado (8 de abril), a primeira reunião d Rating: 0
Você está aqui:Home » Brasil » Orquestra Santa Cruz promove primeira reunião com pais, em 2017

Orquestra Santa Cruz promove primeira reunião com pais, em 2017

REUNIÃO DE PAIS (3)Para apresentação de objetivo e conquistas da Orquestra Santa Cruz e troca de ideias, foi realizada na manhã do último sábado (8 de abril), a primeira reunião da equipe com os pais dos integrante do projeto, neste ano.

O responsável técnico e artístico do projeto, o professor José Magali Junqueira conduziu o encontro, que contou com grande adesão dos pais dos 40 integrantes do projeto.

O maestro falou aos pais sobre a importância da música para atividade cerebral e a meta do projeto de resgate da musicalização.   Além de citar o lado pedagógico e humano da orquestra.

“Aqui ensinamos às crianças a viverem em sociedade com fraternidade, alegria e respeito. Durante as aulas eles estão voltados para a música de extrema qualidade, pois têm acesso, de uma forma didática, a conceitos de arte e cultura. No momento, por exemplo, eles estão ensaiando a música ‘Trenzinho Caipira’ de Villa Lobos”, menciona o professor, José Magali.

O responsável comunicou aos pais sobre a intenção de aquisição de novos instrumentos e falou sobre o desempenho dos alunos. “A Orquestra está em ótimo nível, por isso faremos o possível para dar grande visibilidade com as apresentações”, conclui.

A professora de violino, Carline Adrião agradeceu a presença dos pais e pediu para que os mesmos incentivem os filhos nos estudos. “Eu acredito nestas crianças e adolescentes, mas peço para que orientem a estudarem em casa, pois o sucesso do projeto depende disso. Sabemos que os instrumentos de cordas não são fáceis, mas com dedicação o resultado é satisfatório. E saibam que cada um significa algo especial para mim”.

A monitora, Beatriz Bernardez ressaltou a importância de o projeto crescer com qualidade e responsabilidade. “Quero agradecer aos pais, pois a frequência dos alunos melhorou muito, apenas peço a justificativa quando for necessária a ausência. Com a extinção do cartão alimentação temíamos a evasão, mas isso não aconteceu o que mostra que eles gostam de música”.

A presidente da Amus (Associação Musical Santacruzense)-preponente do projeto junto à Secretaria Estadual da Cultura-, Solange Bianchi Gonçalves, esteve presente e também falou com os pais sobre o ponto social. “Esperamos mostrar o projeto para a cidade para que a sociedade apoie esta iniciativa. Buscamos locais para apresentações para cada vez mais incentivar estas crianças”.

Também estiverem presentes os professores, Luan Tavares e Paulo Camilloti Tavares.

A Orquestra Santa Cruz foi fundada há um ano e sete meses. Atualmente o projeto conta com 40 integrantes que aprendem instrumentos de cordas, como violino, violoncelo, viola e contrabaixo.

As aulas são realizadas no Cras São José as terças, quintas, das 16h ás 20h e aos sábados a partir das 9h.

O projeto é mantido por empresas que repassam percentual do seu ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) aos projetos culturais, através da Lei de Incentivo, por meio do ProAC (Programa de Ação Cultural). As empresas apoiadoras do projeto Orquestra de Câmara Santa Cruz são: Solito, Special Dog, Guacira Alimentos, Santa Massa, Hidroceres e Rede Graal.

 

© 2015 Todos os direitos reservados para NB Produções

Voltar para o topo